Quando você passar



Me lembro exatamente da primeira vez que te vi, posso dizer que naquele momento eu acreditei em amor a primeira vista. Você estava com metade do rosto tampado pela sombra mas em seus olhos eu vi o que nunca tinha visto antes: o amor. Desde então tudo mudou. Meus dias já não eram os mesmos e eu tinha um único motivo para fazer tudo diferente.

Coloquei minhas armas de lado e me abri para um universo completamente diferente do que estava acostumado, lembrar de você me faz tão bem sabia? Tracei um objetivo de ser o melhor pra você, busquei tudo que estava em meu alcance para que eu pudesse te surpreender, as vezes fazia coisas que eu nem sabia o porque mas tudo valia a pena por que eu teria você aqui comigo.

O tempo foi passando e nossos encontros aconteciam sempre repentinos, nada programado, o que tornava tudo ainda mais especial e meu coração só faltava sair pela boca. O tremor tomava conta do meu corpo inteirinho, uma sensação que sou incapaz de descrever e quando você olhava pra mim eu logo desviava o olhar pois ainda não estava preparado para lidar com esse turbilhão de sensações aqui dentro.

Quando percebi, três anos haviam se passado e eu estava ali esperando por nossos encontros casuais. Eu sabia exatamente o horário que você passava e prontamente estava lá. Meu coração pulsava e minha respiração começava a ficar pesada. Não conseguia me conter, é algo tão forte e que com o tempo só aumenta. A vida nos surpreende com sentimentos lindos, nos proporciona principalmente um autoconhecimento valioso que só assim enxergamos nossos limites.

Como eu ia dizendo, lá estava eu naquela praça no fim de tarde. Eu vi as horas passar e me despedi do sol, a chuva deu uma passada e deixou a lua brilhar. Conversei com os astros e pedi que você viesse. De longe vi que alguém se aproximava, conheço seu jeito de andar. Sei tanto sobre você e você nem imagina. Aquela turbulência novamente vem vindo, mas agora eu vou me controlar, prometo!

Foi então que se aproximou e passou sem ao menos olhar pra mim, isso me destruiu em pedaços. Fiquei sem chão, sem rumo. Não acredito que esperei tanto tempo pra nada. Você não pode fazer isso comigo, machucar corações deveria ser o maior crime da vida. Causa um estrago gigante. Acreditei nessa história e talvez eu tenha acreditado demais. Tenho esse defeito de depositar expectativas em pessoas erradas e eu devia ter percebido isso.

Quando se trata do coração não se tem regras, a gente não consegue controlar. É como se ele tivesse vida própria e fosse independente do cérebro, eu disse pra ele não se apaixonar mas quando percebi já era tarde. Talvez esse seja meu carma, esperar por alguém que não virá ou que irá olhar pra mim e não me enxergar.

Eu vou continuar aqui, esperando você passar e o dia que vai me notar por que lá no fundo eu sei que vou conseguir e que na verdade você nasceu pra mim.


Comentários via Facebook

0 comentários:

Postar um comentário